Riscos do uso de instrumentos

O valor dos instrumentos derivados em que o Fundo entra está sujeito a alterações significativas, mesmo que o valor dos activos subjacentes permaneça inalterado. A utilização de tais instrumentos pode (i) aumentar a volatilidade do Fundo, (ii) limitar ou ampliar as possibilidades de retornos adicionais, (iii) não levar a resultados esperados, ou (iv) levar a ganhos ou perdas sobre o Fundo. Acionistas. As operações com derivativos do Fundo não devem ser interpretadas como uma garantia do Fundo, do Administrador, do Gestor ou do Custodiante, de qualquer mecanismo de seguro ou do Fundo Garantidor de Créditos – FGC de que as distribuições serão feitas em relação às Cotas. Transações com derivativos do Fundo podem resultar em perdas para o Fundo e seus Quotistas.